Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Criador tem até 15 de agosto para declarar vacinação da aftosa
21/07/2021 - 14h35m

Criador tem até 15 de agosto para declarar vacinação da aftosa

Sem vacinar e ou declarar, o produtor rural fica impossibilitado de retirar a Guia de Trânsito Animal (GTA) e impedido de circular e ou comercializar os animais, além de pagar multa

Criador tem até 15 de agosto para declarar vacinação da aftosa

Texto Dorgival Junior

Por determinação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que prorrogou - por duas oportunidades - o prazo para a vacinação de bovídeos contra a febre aftosa por falta de vacinas nas lojas de revendas agropecuárias, o criador alagoano tem até o dia 15 de agosto para fazer a declaração junto a Adeal.

Nesta primeira etapa da campanha, que teve início em maio e se estendeu por conta das prorrogações até o dia 16 de julho, a meta da agência de defesa agropecuária é vacinar um rebanho de 1,2 milhão de animais - bovinos e bubalinos.

O criador que não vacinou o rebanho durante o período da primeira etapa da campanha deve regularizar o quanto antes a pendência junto ao órgão de defesa agropecuária.

Sem vacinar e ou declarar, o produtor rural fica impossibilitado de retirar a Guia de Trânsito Animal (GTA) e impedido de circular e ou comercializar os animais, além de pagar multa.

No caso da não vacinação, o valor a ser pago corresponde a dez Unidades Padrão Fiscal do Estado de Alagoas (UPFAL) e da não declaração a 30 UPFAL.

 

Ações do documento