Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Feira do Gado de Arapiraca passa por melhorias após interdição da Adeal
13/05/2019 - 15h30m

Feira do Gado de Arapiraca passa por melhorias após interdição da Adeal

Atividades foram liberadas após prefeitura do município garantir regularização do espaço.

Feira do Gado de Arapiraca passa por melhorias após interdição da Adeal

Espaço foi interditado pela Adeal, em abril deste ano, devido as precárias condições encontradas no local. Foto: Paula Nunes

Texto de Paula Nunes e Ascom Prefeitura de Arapiraca

 

A tradicional Feira do Gado de Arapiraca, no Agreste alagoano, está passando por melhorias na estrutura física, conforme certificado pelos técnicos da Agência de Defesa e Inspeção Agropecuária (Adeal) após uma vistoria na semana passada. O espaço foi interditado pelo órgão, em abril deste ano, devido as precárias condições encontradas no local. 

Os fiscais agropecuários informaram que o espaço estava com péssimas condições de trabalho para os técnicos da Adeal, o que dificulta a atividade de fiscalização no evento, além de gerar um transtorno para os comerciantes, pois não oferecia as mínimas condições de bem estar animal.

Uma situação inadmissível, segundo o diretor-presidente da Adeal, Carlos Mendonça Neto, que não permitiu que os servidores continuassem trabalhando daquela maneira.

“Notificamos a prefeitura, interditamos o local e rapidamente fomos atendidos pela prefeitura de Arapiraca, que garantiu a regularização do espaço. Não queremos atrapalhar a economia rural, mas precisamos de um local com boas condições para que nossos profissionais continuem realizando as atividades de fiscalização na feira”, ressaltou o diretor-presidente.

A Feira

A Feira é tradicional e semanalmente, às segundas-feiras, recebe centenas de pessoas. Garrotes, ovelhas, bois, novilhas, bezerros, vacas, cabritos, cavalos, burros, entre outros animais são comercializados. Além da venda dos animais, outro comércio que funciona é o frete dos caminhões, que transportam os bichos da feira para as fazendas dos compradores e dos donos dos animais.

A prefeitura de Arapiraca garantiu que todas as solicitações estão sendo atendidas e a feira volta a funcionar com as adequações necessárias, assim como a disponibilização de espaço para realização da fiscalização em melhores condições estruturais, fechamento do local por meio de estacas de cimento, arames e portão, além da construção de bebedouro adequado para animais, vigilância 24 horas e fiscais para o controle de entrada e saída de animais.

“Todas as medidas já foram tomadas, objetivando o total atendimento das exigências legais para o pleno funcionamento do evento, evitando prejuízos sociais e econômicos aos compradores e vendedores de animais”, destacou Bento Claudino, servidor da prefeitura.

 

 

Ações do documento